img0177 Uma casa auto suficiente

Uma casa auto-suficiente. A Zero House é uma casa auto-suficiente que promete acabar com muitas das despesas de uma casa comum. Como podem ver na imagem acima, possui um telhado alargado que é constituído por painéis solares, sendo possível a produção de energia. Essa energia é armazenada numa bateria, sendo utilizada em todas as atividades caseiras que necessitem dela. Caso a sua produção tenha atingido o seu máximo potencial, é suficiente para abastecer energeticamente a casa durante uma semana, mesmo que, durante esse tempo, o Sol não apareça.

img0178 Uma casa auto suficiente

Na sua parte superior, a Zero House possui ainda um reservatório de água da chuva com capacidade para mais de 10000 litros. A partir desse depósito, a água é distribuída pelas diferentes partes da casa através da força da gravidade, não havendo necessidade de se recorrer a sistemas de bombeamento de água elétricos.

Para que a casa se torne ainda mais independente, tanto a o redirecionamento de lixo orgânico como o escoamento de águas residuais é feito para um mecanismo digestivo localizado por baixo da habitação, formando-se um composto orgânico que apenas necessita de ser removido do depósito duas vezes por ano.

A Zero Home é totalmente automatizada, gerindo todos estes procedimentos amigos do ambiente de forma imperceptível para o utilizador. Possui sala de estar, cozinha, casa de banho e dois quartos, estando já mobiliada de origem. Tem luz LED ajustável no teto e nas paredes que aguenta até 100000 horas de utilização contínua, sem necessidade de se substituir qualquer lâmpada nesse espaço de tempo.

img0179 Uma casa auto suficiente

A Zero House é, então, um conceito do arquiteto Scott Specht bastante pertinente no panorama ambiental actual, tornando-se numa das vias mais cómodas que ajudarão o homem na luta contra os flagelos ambientais que ameaçam a humanidade num futuro não muito longínquo.

fonte: http://googolplex.blogs.sapo.pt/61120.html  e http://www.zerohouse.net/