O telhado que popularmente ouvimos falar é uma cobertura capaz de oferecer proteção de chuva, sol e vento. Sendo assim, toda casa completa possui um telhado ou cobertura, assim como prédios, edifícios, estabelecimentos comerciais e tudo que necessite de proteção.

Até aí tudo bem, pois qualquer um sabe o que é um telhado, mas você sabe como é feito?

Partes de um telhado

Cada telhado que vemos pronto possui suas partes individuais que podem diferenciar-se pouco um do outro, mas que precisam de telhas e uma estrutura metálica. Esta estrutura é composta de terças, tesoura, treliças, banzos e outras peças que a completam. Cada uma possui um nome específico. Entenda como se dividem:

  • Água: parte plana inclinada de um telhado.
  • Beiral: projeção que fica fora da linha da parede.
  • Cumeeira: local onde se encontram duas águas que geralmente fica na parte mais alta do telhado. É uma aresta horizontal.
  • Espigão: local de encontro entre duas águas, que dá origem a um ângulo saliente. É uma aresta inclinada.
  • Fiada: é o nome que se dá à sequência de telhas na direção de sua largura.
  • Peça complementar: qualquer componente de cerâmica que dá detalhes diferentes ao telhado e pode estar em espigões, arremates, cumeeiras ou rincões.
  • Rincão: local de encontro de duas águas que forma um captador de águas e também é chamado de água furtada, popularmente. É uma aresta inclinada.
  • Rufo: um tipo de peça complementar utilizada em arremates entre o telhado e a parede.
telhado Telhados: conheça as informações básicas sobre esse elemento!

Telhados: conheças as informações básicas sobre esse elemento! (Foto: Divulgação)

 

Os telhados podem ser simples quando possuem somente uma água, ou seja, não há divisões, ou mais complexo quando há duas ou mais águas. Toda a estrutura deve ser seguida para que não haja problemas, independente do tipo de telhado e da quantidade de águas.

Tipos de telhas para a sua cobertura

Um item também de grande importância, principalmente na questão estética, é a escolha da telha, que pode variar bastante, pois atualmente existem vários tipos.

Um modelo comum são as telhas de barro cozido, ideais para uma cobertura colonial, francesa, plan, paulista, paulistinha ou marselha. Há também as de fibrocimento com placas onduladas, meia-cana, calheta ou canalete; além das metálicas, em alumínio que podem ser onduladas ou marselha e também em cobre com chapas lisas, ferro com chapas dobradas ou zinco, ondulada.

tipos telhado Telhados: conheça as informações básicas sobre esse elemento!

Telhados: conheças as informações básicas sobre esse elemento! (Foto: Divulgação)

Há ainda muitos outros tipos em PVC, madeira, plástico, vidro e tantos outros modelos lançados a cada dia. Porém, como fica difícil falar de todas, conheça mais sobre alguns dos principais tipos:

1 – Telha Portuguesa

Feita em cerâmica e precisa de 16 telhas por metro quadrado de telhado. Cada peça pesa 2,5 kg e existem diversas opções de cores esmaltadas, além da natural e a branca. Precisa de, no mínimo, 30% de inclinação.

2 – Telha Romana

Também de cerâmica, consegue cobrir um metro quadrado com 16 telhas e cada peça pesa 2,4 kg. A inclinação mínima do telhado é de 26%. Possui cor natural e diversas opções esmaltadas.

3 – Telha Romana Plan

Apresenta as mesmas propriedades da telha Romana normal e apresenta mudanças quanto ao seu design.

4 – Telha Americana

Feita de cerâmica, cobre um metro quadrado com 12 telhas  e cada peça pesa 3,1 kg. Necessita de uma inclinação mínima de 38% e possui cor branca e malhada.

5 – Telha Australiana

De cerâmica, este tipo de telha pesa 2,4 kg por peça e são necessárias 17 unidades para cobrir um metro quadrado. A inclinação mínima do telhado deve ser de 36% e a cor disponível é a natural.

Existem muitos outros tipos de telhas e é sempre importante pesquisar antes de escolher a melhor para fazer o seu telhado, mas só de conhecer alguns modelos e entender o básico sobre as coberturas, já se torna mais fácil cuidar de sua obra.