cornija Definição e Funções das Cornijas

O elemento arquitetônico cornija é uma faixa horizontal que se destaca da parede, a fim de acentuar as nervuras nela empregadas, o conjunto de molduras salientes que servem de arremate superior às obras de arquitetura.

cornija 1 Definição e Funções das Cornijas

 Na arquitetura clássica, é a parte superior do entablamento, composta de cimalha ou cimácio, lacrimal e sofito. Possui diferentes ornatos e formas, de acordo com sua ordem. A cornija dórica caracteriza-se pela presença de mútulos. A cornija jônica caracteriza-se pela presença de dentículos sob o lacrimal. A cornija coríntia geralmente possui modilhões.  Moldura ou conjunto de molduras salientes que servem de arremate superior a elementos arquitetônicos ou ao edifício. Quando é arremate de um edifício, tem como função principal desviar as águas pluviais que descem pelo telhado das paredes externas. Muito usada em fachadas e edifícios de prédios ecléticos e da arquitetura colonial brasileira. Quando situada no alto de paredes externas e de portas e janelas é também chamada de cimalha.
 A Fibrosom comercializa o molde de cornija em poliestireno expandido, que possui inúmeras vantagens; é leve, resistente à pressão exercida pela betonagem, reutilizável, econômico, entre outras.

cornija 2 540x219 Definição e Funções das Cornijas