Cerâmica2 Cerâmica na parede ou no piso?

Você sabe como escolher o revestimento correto para o piso e a parede? Confira as dicas da Batistella.

 

Cerâmica Cerâmica na parede ou no piso?

Diferenciar placa cerâmica para piso ou parede significa diferenciar a resistência à abrasão e carga de ruptura. As solicitações da placa cerâmica para parede em geral não necessitam de muitos cuidados e resistência mínima: módulo de 18 N/mm2 e carga de 400N. Dependendo do uso, você deve observar a absorção de água, a expansão por umidade, a resistência ao ataque químico, à resistência às machas, etc.

Já o produto cerâmico para o piso é importante observar diversas características não exigidas para parede, como a resistência à abrasão, relacionada ao tráfego de pessoas; resistência à ruptura, de acordo com a carga que será submetido; a possibilidade de impacto, o coeficiente de atrito, em função do escorregamento do chão e, por fim, a resistência às manchas e a facilidade de limpeza. Você deve usar também peças específicas para o ambiente interno ou externo. O produto cerâmico em ambientes externos requer características mais complexas quando comparadas ao uso interno.

No caso externo, a placa cerâmica encontra-se exposta às alterações de clima, sol, chuva, vento, etc. Essas variações requerem do material baixa absorção de água e baixa expansão por umidade. Se o revestimento estiver sujeito às baixas temperaturas é importante que seja resistente ao congelamento. O ensaio de resistência à gretagem é sempre exigido. A resistência às manchas e a resistência ao ataque químico são também importantes em função deste revestimento estar sujeito aos agentes atmosféricos.