restauro de moveis A Arte de Restaurar Móveis

Quase todos herdamos móveis antigos e usados que pertencem à família há gerações, móveis de madeira maciça são resistentes e duradouros, mantendo suas características por muito tempo, mas que não combinam com a decoração. Ou ainda são móveis carregados de histórias e lembranças familiares que não queremos abrir mão.

restauro de moveis 1 A Arte de Restaurar Móveis

 Antes de retirar o acabamento antigo de qualquer peça da mobília, verifique isto: um trabalho de restauração completo pode não ser necessário. Na verdade, a restauração pode desvalorizar uma antigüidade. Uma peça em boas condições, com seu acabamento original, é muito mais valiosa do que uma completamente restaurada.
 Mas, caso a restauração seja a melhor solução para o seu móvel, primeiro é preciso saber que existem várias técnicas como pátina, decapê, satinê e lustração, podendo resultar em diferentes estilos, de acordo com a sensibilidade e técnica do restaurador. Para executar um bom trabalho de restauração é preciso primeiro identificar o acabamento antigo, que são basicamente três: goma-laca, laca ou verniz, os acabamentos pigmentados como tinta ou esmalte são fáceis de identificar. O segundo passo é a limpeza do móvel, inclusive as camadas de cera, que podem ser removidas com lustra-móveis à base de óleo,  se o lustra-móveis não resolver,  remova a sujeira com uma solução de água morna e detergente líquido.
 Essa é uma ramificação do mercado de móveis que sempre vai ter valor por se tratar de um trabalho praticamente artístico, e na página do senac você encontra dicas para abrir um centro de restauro de móveis.

restauro de moveis 2 A Arte de Restaurar Móveis